O que é e para que serve o Term Sheets?

Conheça o Term Sheets, o documento para investidores e empreendedores estabelecerem uma relação efetiva!É fato que muitos empreendedores buscam investimento para seu negócio, como investidores anjo, investidores de capital semente, venture capital, etc. E é o Term Sheets é um documento essencial para entrar em negociações e conseguir um investimento efetivo!

Portanto, para conhecer esse documento, continue a ler nosso conteúdo para otimizar seus contratos e parcerias!

O que é o Term Sheets?

Term Sheets refere-se à uma carta de intenções. Trata-se de uma ferramenta ideal para empreendedores que estão em busca de investidores para iniciarem uma startup ou um projeto!

Term Sheets é, portanto, um acordo entre o investidor e o empreendedor, estabelecendo termos de interesse de ambas partes.

É importante que o Term Sheets seja um documento objetivo e curto. É essencial deixar bem claro as regras estabelecidas e para não provocar ambiguidade e erros comuns que afetam o desenvolvimento de um negócio.

Assim, a partir disso, todos os envolvidos poderão fechar o negócio com segurança. O Term Sheets fornece as coordenadas para que o empreendedor entenda todas as cláusulas e negocie com firmeza o investimento!

Por que é importante a negociação do Term Sheets?

Utilizar o Term Sheets agrega diversas vantagens ao seu negócio. Portanto, vamos apresentar as principais vantagens para que você possa conhecer ainda mais sobre esse documento fundamental!

Receber investimentos

O Term Sheets é essencial para otimizar a relação entre você e os investidores de seu negócio!O Term Sheets é importante para receber investimentos como os de Venture Capital, investidor anjo e outros.

Esses investimentos são almejados pelos empreendedores, visto que eles aceleram ainda mais o seu negócio e evitam o bootstrapping. Ou seja, sem fundos de capital o empreendedor segue somente com suas economias e a própria receita.

É importante lembrar, entretanto, que o Term Sheets não significa que o investidor irá aplicar capital. Isso irá depender do nível de crescimento e oportunidades de seu negócio.

Conseguindo um investidor para aplicar capital em sua startup, os empreendedores que assinam o Term Sheets passam por algumas etapas para a negociação. 

Na primeira etapa, tem-se uma conversa sobre o modelo de negócio e o andamento da startup, a fim de chegar a due dilligence. Após isso, tem-se a etapa em que o advogado do investidor investiga a startup em busca de pontos negativos para diminuir o valor do investimento e aumentar o percentual do investidor.

Entretanto, se sua startup se destaca no mercado, possui uma equipe preparada e um produto escalável, é bem provável que os pontos negativos serão mínimos!

Só depois de ter passado pela due dilligence, chegamos à etapa de assinar o Term Sheets. Esse documento será assinado para alinhar os objetivos do empreendedor e investidor.

Segurança no acordo entre investidor e empreendedor

Como você jpa sabe, o Term Sheets é um documento com apresentações com tópicos básicos para a negociação. Assim, o investidor propõe condições para aplicar o investimento, alinha pontos que podem fazer uma negociação dar errado no final, como na parte economia, referente à finanças e política.O Term Sheets estabelece segurança no acordo realizado entre empreendedores e investidores!

A partir disso, é decidido quem terá preferencia na liquidação, quem ganhará primeiro na divisão de dividendos, quem nomeia a diretoria e outros. Geralmente quem fica com maior parte na economia fica com a menor na politica, e vice-versa. 

Geralmente o investidor no Term Sheets tem preferência no dinheiro por liquidação. Isso acontece por ser mais vantajoso no caso de venda da empresa, já que o investidor ficará na empresa um determinado período e, depois, pode querer vender a sua parte. 

Entretanto, no caso do empreendedor, a empresa criada por ele é muito mais do que apenas o valor financeiro!

A partir disso, o Term Sheets torna-se uma ferramenta de segurança nos acordos feitos entre investidor e empreendedor!

Deal Breakers

Tópicos do Term SheetsNo Term Sheets, os tópicos básicos para a negociação são chamados de deal breakers.

Alguns tópicos são possíveis fazer uma negociação simples e efetiva. Entretanto, existem outros  tópicos que são difíceis de negociar ou são inegociáveis.

Portanto, é comum encontrar no Term Sheets itens como:

  • O valor a ser investido;
  • O prazo de investimento;
  • O percentual de ações da empresa a ser repassado ao investidor;
  • Garantias e obrigações de cada uma das partes – como, por exemplo, sócios permanecerem vinculados a empresa por um determinado período.

Sendo assim, com o Term Sheets é possível efetivar as decisões de deal breakers, facilitando processos que são, geralmente, desencadeadores de problemas.

Quando é necessário assinar o Term Sheets ?

O Term Sheets é um grande facilitador das startups e deve ser feito com bastante atenção. É imprescindível analisar todos os pontos e revisar se algo pode ser prejudicial, bem como o que pode ser otimizado!

É necessário estabelecer o Term Sheets desde o início do investimento nos projetos, a fim de reduzir as oportunidades de erro.

É importante lembrar que empreendedores e investidores definam até que ponto estão dispostas a negociar. Ou seja, quais os principais fatores para cada lado, levando em conta itens como odeal breakers.

A partir disso, será facilitado a compreensão do processo de desenvolvimento da empresa. Por outro lado, se um empreendedor aceitar muitas condições por medo de perder o investimento, ele pode colocar em risco as condições da empresa futuramente.

Portanto, a partir disso, recomendamos que ambas as partes busquem ajuda com profissionais capacitados, como advogados, para esclarecer todas as dúvidas e riscos.

Uma outra dica que damos é:

Estabeleça claramente os papeis de cada atuante de uma empresa!

No dia a dia da empresa, é necessário entender que existem papeis diferentes entre o investidor e empreendedor para evitar desgaste. O investidor tem que gerar o capital, nortear a empresa e outras funções. O empreendedor tem que ir a empresa todos os dias, entregar os projetos prometidos, e, dificilmente pode ter negócios paralelos.

É imprescindível fortalecer os objetivos e tarefas dos empreendedores e investidores a fim de reduzir conflitos e otimizar o desenvolvimento da empresa!

O empreendedor deve ter em mente a lógica do capital de risco recebido pelo investidor: o investidor injeta o capital na startup. Isso significa que ele pode contribuir de forma ativa ou não, investindo para que a sociedade aumente o seu valor e, depois, vender a sua parte. Além disso, o empreendedor deve determinar metas e garantias para o retorno do investimento.

Dessa forma, deve-se analisar todas as cláusulas do Term Sheets pensando em todas as possíveis consequências futuras. Assim, o empreendedor não deve se iludir com o novo investimento em seu negócio.

Sabemos que um investimento, principalmente de alto nível, é um passo essencial para uma startup. Entretanto, é necessário que o empreendedor se posicione perante o investidor e mostre que o investimento é relevante e efetivo!

O investidor, por outro lado, deve conhecer o mercado que está inserido o negócio que será investido, pensando no retorno financeiro que terá.

Percebeu como os Term Sheets podem auxiliar seu negócio? Portanto, não espere para implementar esse documento em seu negócio para otimizá-lo!

Se você está interessado no universo das startups, que tal ler nosso conteúdo de como criar uma startup?

[Total: 1    Média: 5/5]